Prorrogado prazo de cadastro de elaboradores e revisores de itens

24 de Maio de 2017

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) prorrogou até 28 de maio o prazo da chamada pública para cadastro e seleção de colaboradores para elaboração de itens do Enade 2017.

Os docentes selecionados irão compor o Cadastro de Elaboradores e Revisores de Itens da Educação Superior (Ceres) do Banco Nacional de Itens (BNI).

No caso do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade), o BNI visa armazenar itens de qualidade técnica para a montagem de provas capazes de avaliar com maior precisão a proficiência dos estudantes com relação a conteúdos programáticos, habilidades e competências previstos nas diretrizes curriculares nacionais dos cursos de graduação ou nas orientações do Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia.

Entre os requisitos exigidos dos professores que querem participar da chamada pública estão: ter diploma de conclusão de curso de nível superior, devidamente registrado e emitido por instituição credenciada; exercer ou ter exercido atividade docente, nos últimos 18 meses, no curso de graduação para o qual pretende efetuar inscrição, comprovando o vínculo na instituição; e ter disponibilidade para as atividades a serem desenvolvidas no âmbito do BNI, conforme funções e datas previstas no edital.

PONTUAÇÃO – Serão considerados os títulos de pós-graduação (lato sensu e stricto sensu), a experiência docente e em elaboração e revisão de itens para exames em larga escala, concursos públicos e processos seletivos. Para receber a pontuação atribuída aos títulos de pós-graduação, o professor deverá anexar, no ato da inscrição, os comprovantes de titulação.

A classificação de docentes obedecerá à pontuação obtida conforme os critérios e aqueles com mais pontos terão prioridade na convocação para a capacitação. Todos os selecionados passarão por curso, no qual serão repassadas as normas, procedimentos e critérios técnicos requeridos para a elaboração e revisão de itens para o BNI.

ENADE 2017 – Nesta edição, com aplicação em 26 de novembro, o Enade vai avaliar os estudantes dos cursos de bacharelado em arquitetura e urbanismo, engenharia ambiental, engenharia civil, engenharia de alimentos, engenharia de computação, engenharia de controle e automação, engenharia de produção, engenharia elétrica, engenharia florestal, engenharia mecânica, engenharia química, engenharia e sistemas de informação.

Além disso, serão avaliados os bacharelados e licenciaturas em ciência da computação, ciências biológicas, ciências sociais, filosofia, física, geografia, história, letras-português, matemática e química; as licenciaturas em artes visuais, educação física, letras-português e espanhol, letras-português e inglês, letras-inglês, música e pedagogia; e os cursos de tecnologia em análise e desenvolvimento de sistemas, gestão da produção industrial, redes de computadores e gestão da tecnologia da informação.

As inscrições podem ser feitas no portal eletrônico do Inep.

Com informações da Assessoria de Comunicação Social do Inep